Divagar e Conversar

Ads Here

segunda-feira, 11 de julho de 2016

Um Domingo Perfeito - 10 de Julho de 2016


Ontem foi um dia perfeito para a história do desporto português.
No futebol, Portugal venceu, na final, a chauvinista França. O golo do Éder, ao minuto 109, ditou a vitória, que ficará para história do futebol nacional, dado ter sido o seu maior feito até hoje.





Em 2020 haverá novo Campeonato da Europa, embora muitos que ontem foram campeões não irão participar, mas temos valores firmados e outros a despontar e dão garantias de um grande futuro. Recordo que o campeão mais novo desta seleção terá, nessa altura, só 22 anos.
Nem tudo correu bem, na final, porque aquela entrada “assassina” do jogador francês Payet sobre o Cristiano Ronaldo, fez-me lembrar aquela entrada do Morais sobre o Pelé.
Há faltas que devem ser castigadas duramente, mas o árbitro, no jogo de ontem fez vista grossa e, nem sequer, falta marcou.



No atletismo, a Sara Moreira ganhou a meia maratona e a correspondente medalha de ouro no campeonato europeu de atletismo e a Jéssica Augusto conquistou a medalha de bronze na mesma prova.
Patrícia Mamona ganhou a medalha de ouro no triplo-salto e bateu o record nacional.
Tsanko Arnaudov, no lançamento do peso, conquistou a medalha de bronze.

No ciclismo, o Rui costa ficou em segundo lugar em mais uma etapa nos Altos Pirinéus e promete mais no “Tour de France”.

Foi um dia Domingo em grande que encheu de orgulho os milhões de portugueses e dos países que compõem a CPLP.

Ovar, 11 de Julho de 2016

Álvaro Teixeira